Quem sou eu

Minha foto
PARÁ DE MINAS, MINAS GERAIS, Brazil
Muitas qualidades, muitos defeitos, mas é no equilíbrio que se leva a vida em frente. Desistir nunca, o ceú é o limite, e mesmo depois temos o espaço.

Mais Você-Ana Maria

Mais Você-Ana Maria

N.E.O.Q.E.A.V

N.E.O.Q.E.A.V
NUNCA ESQUEÇA O QUANTO EU AMO VOCE


MINHA MÃE ENIA

ENIA MELGAÇO

ENIA MELGAÇO

MÂE ,VOCÊ É UNICA PESSOA NO MUNDO QUE MERECE ESTA HOMENAGEM...

Toda e qualquer injustiça, revida com genuíno amor.Renuncia-se a si própria, não se importa com a dor.Quando ela se ajoelha, para pedir por um filho.Mobiliza o céu inteiro, que pára ante seu clamor.Oração de mãe Deus ouve, reconhece tal sentimento.Só ao Seu amor se compara tamanho desprendimento.Na vida dos filhos é benção, e do céu, a dádiva maior.Abre mão de seus anseios, jamais espera louvor.Do amor que lhes dedica nunca lhes imputa débitoVibra com suas vitórias, esquece o próprio mérito.Essa doce fera vive pra proteger sua prole.E se um deles se ferir, não há o que a console.Amor de mãe é pra sempre, como o amor de Deus.Com a força de uma leoa, ela defende os seus.Mesmo com a própria vida, disso não abre mão.Amor que nos impulsiona e acalanta o coração.


UM BEIJO CARINHOSO DE SUA FILHA
ZANZA

MÃE

MÃE
Mãe: palavra pequena, mas com um significado infinito, pois quer dizer amor, dedicação, renúncia a si própria, força e sabedoria. Ser mãe não é só dar a luz e sim, participar da vida dos seus frutos gerados ou criados. Obrigado por termos você

MINHA ETERNA PAIXÃO

MINHA ETERNA PAIXÃO

QUEM TE ENSINOU A NADAR?

sexta-feira, 31 de julho de 2009

VAMOS FALAR de COISAS BONITAS?


Se é verdade que a cada dia basta sua carga, por que então
teimamos em carregar para o dia seguinte nossas mágoas e
dores?
Há ainda os que carregam para a semana seguinte, o mês seguinte
e anos afora...
Nos apegamos ao sofrimento,ao ressentimento,
Como nos apegamos a essas coisinhas que guardamos nas
nossas gavetas,sabendo inúteis, mas sem coragem para jogar fora.
Vivemos com o lixo da existência,
quando tudo seria mais claro e límpido com o coração renovado.
As marcas e cicatrizes ficam
para nos lembrar da vida, do que fomos,do que fizemos e do que devemos evitar.
Não inventaram ainda uma cirurgia plástica da alma,
onde podem tirar todas as nossas vivências e nos deixar
como novos.
Ainda bem...
Não devemos nos esquecer do
nosso passado, de onde viemos,
do que fizemos, dos caminhos que percorremos.
Não podemos nos esquecer de nossas vitórias,nossas quedas e
nossas lutas.
Menos ainda das pessoas que encontramos, essas que direcionaram
nossas vidas, muitas vezes sem saber.
que não podemos é carregar dia-a-dia,
com teimosia, o ódio, o rancor, as mágoas, o sentimento de derrota e o ressentimento.
Precisamos, com muita coragem e ousadia,
abrir a gaveta do nosso coração e dizer:
Sua vida merece que, a cada dia,você dê uma chance para que ela
seja plena e feliz.

Texto: Letícia Thompson

Declaro-me vivo!


Saboreio cada momento.

Antigamente me preocupava quando os outros falavam mal de mim. Então fazia o que os outros queriam, e a minha consciência me censurava. Entretanto, apesar do meu esforço para ser bem educado, alguém sempre me difamava. Como agradeço a essas pessoas, que me ensinaram que a vida é apenas um cenário! Desse momento em diante, atrevo-me a ser como sou.

A árvore anciã me ensinou que somos todos iguais.
Sou guerreiro: a minha espada é o amor, o meu escudo é o humor, o meu espaço é a coerência, o meu texto é a liberdade.

Perdoem-me, se a minha felicidade é insuportável, mas não escolhi o bom senso comum. Prefiro a imaginação dos índios, que tem embutida a inocência.

É possível que tenhamos que ser apenas humanos. Sem Amor nada tem sentido, sem Amor estamos perdidos, sem Amor corremos de novo o risco de estarmos caminhando de costas para a luz. Por esta razão é muito importante que apenas o Amor inspire as nossas ações.

Anseio que descubras a mensagem por detrás das palavras; não sou um sábio, sou apenas um ser apaixonado pela vida.

A melhor forma de despertar é deixando de questionar se nossas ações incomodam aqueles que dormem ao nosso lado.

A chegada não importa, o caminho e a meta são a mesma coisa.
Não precisamos correr para algum lugar, apenas dar cada passo com plena consciência.

Quando somos maiores que aquilo que fazemos, nada pode nos desequilibrar.
Porém, quando permitimos que as coisas sejam maiores do que nós, o nosso desequilíbrio está garantido.

É possível que sejamos apenas água fluindo; o caminho terá que ser feito por nós. Porém, não permitas que o leito escravize o rio, ou então, em vez de um caminho, terás um cárcere.

Amo a minha loucura que me vacina contra a estupidez.
Amo o amor que me imuniza contra a infelicidade que prolifera, infectando almas e atrofiando corações.

As pessoas estão tão acostumadas com a infelicidade, que a sensação de felicidade lhes parece estranha. As pessoas estão tão reprimidas, que a ternura espontânea as incomoda, e o amor lhes inspira desconfiança.

A vida é um cântico à beleza, uma chamada à transparência.

Peço-lhes perdão, mas… DECLARO-ME VIVO!!!


Chamalú ( Índio Quéchua )



Saudades


De todas as dores da Humanidade, possivelmente a mais aflitiva seja a que se constitui na separação dos afetos pelo fenômeno da morte.

Embora todos saibamos que a morte é a etapa final dos que vivem na Terra, não nos preparamos para recebê-la. Eis porque ela sempre nos surpreende, esfacelando-nos o coração em tortura moral.

Para os que acompanham o féretro até o que se denomina a última morada do corpo, o momento deveria ser de sérias reflexões.

O que existe afinal, para além do túmulo? Para onde vão as almas dos que se foram abraçados pelo sono da morte? Como diluir a dor da separação?

Que existe vida além desta existência já foi suficientemente comprovado.

Seja pela revelação religiosa que, desde tempos imemoriais se refere ao Espírito imortal, seja por ramos da ciência médica e psicológica que apresentaram estudos variados, concluindo pela existência de um mundo invisível, onde vivem os que deixam o corpo carnal.

Jesus, o Mestre Excelso, provou mais de uma vez que a morte é uma ilusão dos sentidos físicos. No Tabor, ao se transfigurar, frente aos olhares atônitos de Pedro, Tiago e João, apresenta-se tendo ao lado direito e esquerdo as figuras veneráveis do Legislador Hebreu Moisés e do Profeta Elias.

Ora, ambos tinham vivido entre os hebreus há muitos séculos. Contudo, ali se apresentaram tão vivos, que Pedro cogitou de erguer tendas para que eles as habitassem, ali mesmo no Monte Tabor.

Jesus, após Sua morte na cruz, apresentou-Se aos apóstolos e aos discípulos várias vezes, em ambientes fechados e ao ar livre, demonstrando que prosseguia vivo.

Os que morrem continuam vivendo, no mundo que lhes é próprio, o espiritual, que somente não detectamos pela grosseria de nossa visão material.

Temos a prova de que prosseguem vivos, nos sonhos em que com eles nos encontramos, trocamos confidências, amenizamos as saudades.

Essas são as experiências individuais de todos nós.

Apesar de tudo, a saudade se alonga nos dias, tanto mais forte quanto mais se demoram os meses e se amontoam os anos.

Por isso, somente a oração pode amenizar a longa saudade. Quando oramos a Deus pelos que partiram, eles nos sentem as vibrações, quais se fossem abraços de carinho e, na mesma intensidade, os retribuem, pelos fios do pensamento.

Um dia, logo mais, haveremos de nos reencontrar na Espiritualidade, quando transpusermos os umbrais da morte.

Então, diremos adeus aos que permanecem para recebermos um Olá, você chegou! dos que nos precederam e nos vêm receber no portal da tumba.

* * *

Existem inúmeros livros que falam da vida para além desta existência.

O Dr. Raymond Moody Jr. escreveu livros acerca de suas investigações do fenômeno da sobrevivência à morte física.

São relatos de criaturas que tiveram experiências de quase morte e retornaram contando do que ouviram, dos seus contatos, testemunhando pois que a vida não se encerra no túmulo.

PAI OBRIGADA POR TUDO!!!!!

TE AMO

quinta-feira, 30 de julho de 2009

quarta-feira, 29 de julho de 2009

Chutando o pau da barraca.


Sinta em seu coração, siga a essência de sua alma... Ouça a sua intuição! Milagres acontecem todos os dias, basta acreditar! A felicidade é um estado de espírito... Não depende de outras pessoas. Deixe o sol brilhar dentro de você!

Fundamental é ser sincero com o nosso eu interior. Não renuncie à vida para agradar aos outros! Se você se violentar, no começo vem um desconforto, logo uma dor, daí a pouco, doenças... Você frente a frente com o espelho: a máscara cai, tudo fica muito claro e as coisas começam a fluir...

Estar aberto às mudanças, encarar a vida de frente, aproveitar as oportunidades que aparecem no seu caminho, você está sintonizado com Deus! Este Deus maravilhoso que habita em você, materializa sua intenções e faz acontecer... Tudo aquilo em que você joga sua energia, sua concentração, concretiza-se!

As sincronicidades (nada é por acaso): encontrar as pessoas que vão fazer parte desta caminhada, no lugar certo, na hora exata e no momento apropriado. E seu coração fica leve e feliz! Você entra nesta vibração e o Universo conspira a seu favor. Sua vida se enche de luz, o amor incondicional invade sua alma e você percebe a beleza nas pequenas coisas...

Vegetar, Ir levando para ver se melhora, Quem sabe um dia talvez... Esqueça tudo isto, faça acontecer! Daqui a pouco já se passaram trinta anos e nada... A juventude se foi, muita energia foi desperdiçada, gerando arrependimentos sem fim... Não deixe os outros controlarem você: Uma pessoa especial, única, com um caminho só seu. E Você é fruto de seus pensamentos, palavras e atitudes.

Você é o personagem principal da sua história, curta a vida! Não dê desculpas. Não jogue a responsabilidade de suas decisões nas costas de outra pessoa! Acredite que você pode tudo. Não existem culpas e nem cobranças. O passado são só recordações, não volta mais. Viva no momento presente. O futuro, você cria a partir do que realizar agora.

Caso você não consiga tomar uma atitude e chutar o pau da barraca, peça ajuda ao Todo-Poderoso nosso amigo e fale: Eu não estou conseguindo resolver este problema, por isso peço a sua ajuda. Confio plenamente em você! Faça sem impor condições, sem chantagens, delegue mesmo e esqueça! Sem ansiedade, nem estresse. A solução vem espontaneamente e rápida.

Sempre pense positivo, leia livros inspirados, caminhe junto à natureza (florestas, cachoeiras, mar, sol, ar puro, parques). Assista filmes com conteúdo, pratique o que você leu, ajude outras pessoas. Valorize seus amigos. Demonstre gratidão. Durma com bons pensamentos. Sua alma vai agradecer...

NÃO ESQUEÇA O PRINCIPAL!


Conta a lenda que certa mulher pobre com uma criança no colo, passando diante de uma caverna
escutou uma voz misteriosa que lá de dentro lhe dizia:
- Entre e apanhe tudo o que você desejar, mas não se esqueca do principal. Lembre-se, porém, de uma coisa: Depois que você sair, a porta se fechará para sempre. Portanto, aproveite a oportunidade, sem nunca se esquecer do principal.... A mulher entrou na caverna e encontrou muitas riquezas.
Fascinada pelo ouro e pelas jóias, colocou a criança no chão e comecou a juntar, ansiosamente, tudo o que podia no seu avental. A voz misteriosa falou novamente:
- Você agora só tem oito minutos.
Esgotados os oito minutos, a mulher carregada de ouro e pedras preciosas, correu para fora da caverna e a porta se fechou...
Lembrou-se, então, que a crianca lá ficara e a porta estava fechada para sempre! A riqueza durou pouco e o desespero, sempre.
O mesmo acontece, às vezes, conosco. Temos uns oitenta anos para viver, neste mundo, e uma voz sempre nos adverte:
- Não se esqueca do principal!
E o principal, são os valores espirituais, a oração, a vigilância, a vida!
Mas a ganância, a riqueza, os prazeres materiais nos fascinam tanto que o principal vai ficando sempre de lado...
Assim, esgotamos o nosso tempo aqui, e deixamos de lado o essencial:

"Os tesouros da alma!".

terça-feira, 28 de julho de 2009

TUDO PASSA


Todas as coisas, na Terra, passam...
Os dias de dificuldades, passarão...
Passarão também os dias de amargura e solidão...
As dores e as lágrimas passarão.
As frustrações que nos fazem chorar...
um dia passarão.
A saudade do ser querido
que está longe, passará.

Dias de tristeza...
Dias de felicidade...
São lições necessárias que, na Terra,
passam, deixando no espírito imortal
as experiências acumuladas.
Se hoje, para nós, é um desses dias
repletos de amargura,
paremos um instante.
Elevemos o pensamento ao Alto,
e busquemos a voz suave
da Mãe amorosa
a nos dizer carinhosamente:
isso também passará...

E guardemos a certeza,
pelas próprias dificuldades já superadas,
que não há mal que dure para sempre.
O planeta Terra,
semelhante a enorme embarcação,
às vezes parece que vai soçobrar
diante das turbulências de gigantescas ondas.
Mas isso também passará,
porque Jesus está no leme dessa Nau,
e segue com o olhar sereno de quem guarda
a certeza de que a agitação faz parte
do roteiro evolutivo da humanidade,
e que um dia também passará...
Ele sabe que a Terra chegará a porto seguro,
porque essa é a sua destinação.

Assim, façamos a nossa parte
o melhor que pudermos, sem esmorecimento,
e confiemos em Deus,
aproveitando cada segundo, cada minuto que,
por certo... também passarão..."
"Tudo passa... exceto DEUS!"
Deus é o suficiente!

Chico Xavier

Um brinde à nossa amizade


Quando foi que começou nossa amizade? Não sei...
Não te parece engraçado que sempre queremos lembrar o dia e o momento exacto de certos acontecimentos importantes da nossa vida?
Contudo, quando se trata de amizades, nada disto ocorre. Apenas há lembranças de momentos vagos e inesquecíveis através do tempo...
No presente vc lembra o passado, recordando essa ou aquela data pelos acontecimentos importantes ocorridos junto a pessoas, porém não tem motivos para precisar o dia exacto em que vc começou a ser amigo de alguém...
E mais, talvez no início vc não tivesse intenção, ou não previu que algum dia poderia desenvolver um sentimento, com aquela pessoa que hoje tens como grande amigo (a)...
Estive pensando em tudo isto e, bem, não importa se o relacionamento é de cinco, dez, vinte, trinta, cinquenta anos, ou de uns poucos dias...
O importante é que neste mesmo tempo se construiu a confiança, o respeito, a tolerância e o carinho.
Hoje te envio meu grande abraço!
Que a vida te seja sempre sorridente!
Lembra-te que sempre que sorrires se apaga uma tristeza e se acende uma esperança!
Muitas pessoas entrarão e sairão de tua vida, mas só as verdadeiramente amigas deixarão marcas em teu coração.
Para controlar-se, use a cabeça; para relacionar-se com os outros, use teu coração.
O receio é apenas um aviso de perigo.
O que perde dinheiro, perde muito;
O que perde um amigo, perde muito mais;
O que perde a fé, perde tudo.
As pessoas jovens e bonitas
são obras primas da natureza,
porém as pessoas amigas e leais,
são obras de arte únicas.
O ontem é história; o amanhã um mistério, e o hoje é uma dádiva... Por isto o chamamos presente...

VOCÊ SABE AMAR?


Eu estou aprendendo.
Estou aprendendo a aceitar as pessoas,
mesmo quando elas me desapontam,
quando fogem do ideal que tenho para elas,
quando me ferem com palavras
ásperas ou ações impensadas.
Não é fácil aceitar as pessoas
assim como elas são,
não como eu desejo que elas sejam,
mas como elas são!
É difícil, muito difícil,
mas estou aprendendo.
Estou aprendendo a amar.
Estou aprendendo a escutar,
escutar com os olhos e ouvidos,
escutar com a alma
e com todos os sentidos.
Escutar o que diz o coração,
o que dizem os ombros caídos,
os olhos, as mãos irrequietas.
Escutar a mensagem que se
esconde por entre as palavras
corriqueiras, superficiais;
Descobrir a angústia disfarçada,
a insegurança mascarada,
a solidão encoberta.
Penetrar o sorriso fingido,
a alegria simulada,
a vanglória exagerada.
Descobrir a dor de cada coração.
Aos poucos, estou aprendendo a amar.
Estou aprendendo a perdoar
pois o amor perdoa, lança fora as mágoas,
e apaga as cicatrizes
que a incompreensão e insensibilidade
gravaram no coração ferido.
O amor não alimenta mágoas
com pensamentos dolorosos.
Não cultiva ofensas com
lástimas e autocomiseração.
O amor perdoa, esquece,
extingue todos os traços de dor no coração.
Passo a passo,
estou aprendendo a perdoar, a amar.
Estou aprendendo a descobrir
o valor que se encontra
dentro de cada vida, de todas as vidas,
valor soterrado pela rejeição,
pela falta de compreensão,
carinho e aceitação,
pelas experiências duras
vividas ao longo dos anos.
Estou aprendendo a ver
nas pessoas a sua alma,
e as possibilidades que Deus lhes deu.
Estou aprendendo,
mas como é lenta a aprendizagem!
Como, é difícil amar,
amar com Cristo amou!
Todavia, tropeçando,
errando, estou aprendendo...
Aprendendo a por de lado
as minhas próprias dores,
meus interesses, minha ambição, meu orgulho
quando estes impedem o bem-estar
e a felicidade de alguém.
Como é duro amar!!!

Autor desconhecido,

segunda-feira, 27 de julho de 2009

Aprendi e Decedi


E assim, depois de muito
esperar, num dia como
outro qualquer, decidi triunfar...

Decidi não esperar as oportunidades
e sim, eu mesmo buscá-las.

Decidi ver cada problema como uma
oportunidade de encontrar uma solução.
Decidi ver cada deserto como uma
possibilidade de encontrar um oásis.

Decidi ver cada noite como um
mistério a resolver.

Decidi ver cada dia como uma nova
oportunidade de ser feliz.
Naquele dia descobri que meu único
rival não era mais que minhas próprias
limitações e que enfrentá-las era a única
e melhor forma de as superar.

Naquele dia, descobri que eu não era o
melhor e que talvez eu nunca tenha sido.

Deixei de me importar com quem ganha
ou perde, agora, me importa simplesmente
saber melhor o que fazer.

Aprendi que o difícil não é chegar lá
em cima, e sim deixar de subir.

Aprendi que o melhor triunfo que posso ter,
é ter o direito de chamar a alguém de "Amigo".

Descobri que o amor é mais que um simples estado
de enamoramento, "o amor é uma filosofia de vida".

Naquele dia, deixei de ser um reflexo dos meus
escassos triunfos passados e passei a ser a
minha própria tênue luz deste presente.

Aprendi que de nada serve ser luz se não
vai iluminar o caminho dos demais.

Naquele dia, decidi trocar tantas coisas...

Naquele dia, aprendi que os sonhos
são somente para fazer-se realidade.

E desde aquele dia já não
durmo para descansar...

Agora simplesmente durmo
para sonhar.

Também aprendi e decidi que não devo alimentar nenhuma expectativa em relação a pessoas ou coisas, pois tudo nessa vida é da maneira que tem que ser e, não do jeito que pensamos ou achamos que tem que ser.
Expectativas só nos trazem tristezas e decepções, e por isso sofrimento.

WALT DISNEY

Uma Reflexão sobre o Amor


'Por que não existem relacionamentos perfeitos?'
Talvez você já tenha ouvido ou feito tal pergunta, e percebeu que a resposta não é tão simples quanto a pergunta.

Podemos começar a refletir sobre o assunto dizendo que cada pessoa tem suas próprias crenças a respeito do amor em si, além disso sabemos que as pessoas estão em constante transformação, e formação, pois o ser humano (o fenômeno humano) é uma metamorfose constante, assim sendo nunca está pronto, nunca está feito por completo, ou seja, é imperfeito em si. Mas como fazer para um relacionamento ser bem sucedido? Bem, o desafio não está em ser bem sucedido, pois se você já amou uma pessoa mesmo que por alguns instantes, isto é sucesso! Então, o desafio está em saber amar. Sem ser piegas ou devaneador, vamos tentar refletir sobre o amor através de alguns versos.

Marisa Monte na música Ontem ao Luar canta:

"Ontem, ao luar, nós dois em plena solidão
Tu me perguntaste o que era a dor de uma paixão
Nada respondi! Calmo assim fiquei!
Mas, fitando o azul, do azul do céu
A lua azul eu te mostrei
Mostrando-a a ti, dos olhos meus correr senti
Uma nívea lágrima e, assim, te respondi:
(...)

A dor da paixão não tem explicação
Como definir o que só sei sentir
É mister sofrer, para se saber
(...)"

Quando falamos de amor devemos lembrar que ele é uma emoção, por isso é difícil defini-lo. Também é difícil saber quando vai acontecer, só dá para sentir, e quando se sente, sabe-se que está amando. Existe grande risco em tentar defini-lo, pois quando palavras são utilizadas para classificá-lo, está se racionalizando um sentimento, como já dissemos o amor é uma emoção, não tem explicação. Devido a isso, poucas pessoas têm o prazer de senti-lo, somente aqueles que não tentam defini-lo, ou melhor, racionalizá-lo.

Como diz Luís Vaz de Camões em um de seus sonetos (que a banda Legião Urbana tão bem acrescentou a canção Monte Castelo):

"Amor é fogo que arde sem se ver; É ferida que dói e não se sente; É um contentamento descontente; É dor que desatina sem doer; É um não querer mais que bem querer; É solitário andar por entre a gente; É nunca contentar-se de contente; É cuidar que se ganha em se perder; É querer estar preso por vontade; É servir a quem vence, o vencedor; É ter com quem nos mata lealdade. Mas, como causar pode seu favor; Nos corações humanos amizade, Se tão contrário a si é o mesmo Amor?"
Aqueles que desejam conviver bem com outras pessoas, e desejam ter um relacionamento estável e duradouro, e ao mesmo tempo cheio de paixão e intensidade, precisam realizar uma tarefa que exige dedicação e cumplicidade, precisam descobrir qual o sistema de crenças que acreditam e como fazer para compartilhá-lo, ou seja, precisam entrar em sintonia com os próprios sentimentos e saber o que sentem e como demonstrá-lo, não se pode ter medo de sentir, as vezes é preciso cair de cabeça para apreciar os resultados que podem ser bons ou podem ser ruins, só saberá aquele que se arriscar, afinal o pior medo é o medo de sentir medo.

O Novo Dicionário Aurélio Básico da Língua Portuguesa define o amor como sendo: "sentimento que predispõe alguém a desejar o bem de outrem, ou de alguma coisa; sentimento de dedicação absoluta de um ser a outro ser ou a uma coisa; devoção, culto, adoração", podemos notar nesta definição que mesmo quando se tenta conceituar o amor, ainda assim parece algo abstrato, pois só podemos compreendê-lo na prática, voltando, novamente, a atenção aos versos da canção Ontem ao Luar:

"Se tu desejas saber o que é o amor
Sentir o seu calor
O amaríssimo travor do seu dulçor
Sobe um monte à beira-mar, ao luar
Ouve a onda sobre a areia a lacrimar
Ouve o silêncio a falar na solidão
De um calado coração, a penar
A derramar, os prantos seus!
(...)"

Como podemos ver para se compreender o amor é preciso sentir, para sentir é preciso se conhecer melhor, para se conhecer melhor é preciso não ter medo de sentir e demonstrar o que se sente, além de não tentar classificar ou racionalizar o que se sente. Também é preciso entrar em sintonia com outra pessoa para compartilhar o sentimento, que pode ser por um breve momento ou por uma vida inteira, o que importa é se deixar cativar pelos próprios sentimentos.
Para concluir um poema que recebemos pelo correio eletrônico, cujo autor nos é desconhecido, que fala o que é preciso:

"Para viver um grande Amor... É preciso abrir todas as portas que te fecham o coração. Quebrar barreiras construídas ao longo do tempo, por amores do passado que foram em vão... É preciso muita renúncia em ser e mudança no pensar. É não esquecer que ninguém vem perfeito para nós! É preciso ver o outro com os olhos da alma e se deixar cativar! É preciso renunciar ao que não agrada ao seu amor... para que se moldem um ao outro como se molda uma escultura! Aparando as arestas que podem machucar. É como lapidar um diamante bruto... para fazê-lo brilhar! E quando decidires que chegou a tua hora de amar, lembra-te que é preciso haver identificação de almas! De gostos, de gestos, de pele no modo de sentir e pensar! Para viver um grande Amor... É preciso ver a luz iluminar sua aura, dando uma chance para que o amor te encontre! Na suavidade morna de uma noite calma. É preciso se entregar de corpo e alma! É preciso ter dentro do coração um sonho: que se acalenta no desejo de amar e ser amada! É preciso conhecer no outro o ser tão procurado! É preciso conquistar e se deixar seduzir... entrar no jogo da sedução e deixar fluir! Amar com emoção para saber sentir, a sensação do momento em que o amor te devora! E quando você estiver vivendo no clímax dessa paixão, que sinta que essa foi a melhor das tuas escolhas! Que foi teu grande desafio... e o passo mais acertado, de todos os caminhos da tua vida trilhado! Mas se assim não for! que nunca te arrependas pelo amor dado! Faz parte da vida arriscar-se por um sonho... por que se não fosse assim nunca teríamos sonhado ! Mas antes de tudo, que você saiba que tem um aliado, ele se chama Tempo é teu melhor amigo. Só ele pode te dar todas as certezas do amanhã... A certeza que você realmente amou... A certeza se realmente foste amado..."

Esqueça tudo, e apenas sinta! Não procure perfeição porque vai achar ilusão; apenas não procure... deixe que tudo acontece ao seu tempo, apenas sinta o aqui e agora do amor e viva esse momento; sem medo de sentir, sem pensar "e se...", sem racionalizações dos sentimentos.

Carpe diem...
Autor:Marcos Augusto da Silva Braga

domingo, 26 de julho de 2009

A voz do silêncio




Pior do que a voz que cala é um silêncio que fala.
Simples, rápido! E quanta força!
Imediatamente me veio à cabeça situações
em que o silêncio me disse verdades terríveis,
pois, você sabe, o silêncio não é dado a amenidades.
Um telefone mudo. Um e-mail que não chega.
Um encontro onde nenhum dos dois abre a boca.
Silêncios que falam sobre desinteresse,
esquecimento, recusas.
Quantas coisas são ditas na quietude,
depois de uma discussão.
O perdão não vem, nem um beijo,
nem uma gargalhada
para acabar com o clima de tensão.
Só ele permanece imutável,
o silêncio, a ante-sala do fim.
É mil vezes preferível uma voz que diga coisas
que a gente não quer ouvir,
pois ao menos as palavras que são ditas
indicam uma tentativa de entendimento.
Cordas vocais em funcionamento
articulam argumentos,
expõem suas queixas, jogam limpo.
Já o silêncio arquiteta planos
que não são compartilhados.
Quando nada é dito, nada fica combinado.
Quantas vezes, numa discussão histérica,
ouvimos um dos dois gritar:
'Diz alguma coisa, mas não fica
aí parado me olhando!'
É o silêncio de um mandando más notícias
para o desespero do outro.
É claro que há muitas situações em que o silêncio é bem-vindo.
Para um cara que trabalha
com uma britadeira na rua, o silêncio é um bálsamo.
Para a professora de uma creche,
o silêncio é um presente.
Para os seguranças de um show de rock,
o silêncio é um sonho.
Mesmo no amor,
quando a relação é sólida e madura,
o silêncio a dois não incomoda,
pois é o silêncio da paz.
O único silêncio que perturba é aquele que fala.
E fala alto !...
É quando ninguém bate à nossa porta...
não há recados na secretária eletrônica....
e mesmo assim você entende a mensagem.

Superando o Medo


A vida exige de nós – o tempo todo – uma grande capacidade de adaptação.
Aqueles que temem a mudança e a perda de uma situação confortável, onde tudo já é conhecido, são os que mais sofrem sempre que um novo desafio é apresentado pela existência.

A cada momento podemos ser surpreendidos por novas situações e circunstâncias e se não estivermos conscientes desta realidade, as mudanças sempre nos trarão ansiedade e medo.

Temos a tendência natural de evitar os imprevistos, como se eles sempre significassem uma ameaça. A melhor forma de nos libertarmos do medo é aceitar as mudanças como oportunidades de crescimento em nossa jornada evolutiva.

Visto que nossa passagem por este planeta tem uma curta duração, devemos aproveitar, a cada dia, a chance de superar a nós mesmos e nossas limitações, e experimentar a alegria da vitória sobre a negatividade da mente, sempre que ela tentar nos dominar.

O medo é determinado pelo receio do ego em perder o controle sobre nós. Por isso, somente a sintonia permanente com nosso verdadeiro Ser pode nos dar a coragem para aceitar as dificuldades como bênçãos. Sem ela, continuaremos presas fáceis da ansiedade, da descrença em nosso poder e da postura de vitima que o ego insiste em nos impor.

Quando um novo desafio surgir e o medo se fizer presente, que possamos, apesar dele, seguir em frente com confiança e a certeza de que a vitória sobre o desconhecido e a insegurança trazem como resultado uma imensa alegria.

“A palavra coragem é muito interessante. Ela vem da raiz cor, que significa coração. Portanto, ser corajoso significa viver com o coração. E os fracos, somente os fracos vivem com a cabeça; receosos, eles criam em torno deles uma segurança baseada na lógica. Com medo, fecham todas as janelas e portas – com teologia, conceitos, palavras, teorias – e do lado de dentro dessas portas e janelas fechadas, eles se escondem.

O caminho do coração é o caminho da coragem. É viver na insegurança, é viver no amor e confiar, é enfrentar o desconhecido. É deixar o passado para trás e deixar o futuro ser. Coragem é seguir trilhas perigosas. A vida é perigosa. E só os covardes podem evitar o perigo – mas aí já estão mortos.

A pessoa que está viva, realmente viva, sempre enfrentará o desconhecido. O perigo está presente, mas ela assumirá o risco. O coração está sempre pronto para enfrentar riscos; o coração é um jogador. A cabeça é um homem de negócios. Ela sempre calcula – ela é astuta. O coração nunca calcula nada.

Coragem significa enfrentar o desconhecido apesar de todos os medos. Coragem não significa ausência de medo. A ausência de medo acontece se você passa a ser cada vez mais corajoso. Essa é a experiência máxima de coragem – a ausência de medo.

É esse o sabor quando a coragem tornou-se absoluta. Mas, de inicio, não há muita diferença entre o covarde e o corajoso. A única diferença é que o covarde dá ouvidos aos seus medos e os segue, enquanto o corajoso os põe de lado e segue em frente. O corajoso enfrenta o desconhecido apesar de todos os medos. Ele conhece os medos, eles estão ali.

Enfrentar o desconhecido dá a você certa excitação. O coração começa a pulsar novamente, volta a se sentir vivo, totalmente vivo. Cada fibra do seu ser está vibrando porque você aceitou o desafio do desconhecido.

Aceitar o desafio do desconhecido, apesar de todo o medo, é coragem. Os medos estão ali, mas se você aceita o desafio várias vezes seguidas, devagarinho os medos desaparecem. A experiência de alegria que o desconhecido traz, o grande êxtase que começa a acontecer com o desconhecido, torna você forte o bastante, lhe dá certa integridade, aguça sua inteligência.

Basicamente coragem é pôr em risco o conhecido em favor do desconhecido, o familiar em favor do estranho, o confortável em favor do desconfortável – árdua peregrinação rumo a algum destino desconhecido. Nunca se sabe se você será capaz de fazer isso ou não. É um jogo arriscado, mas só os jogadores sabem o que é a vida”.

Osho, do livro: “Coragem, o prazer de viver perigosamente”
Elisabeth Cavalcante

quinta-feira, 2 de julho de 2009

A parte mais importante do corpo


Quando eu era muito jovem, minha mãe me perguntou qual era a parte mais importante do corpo. Eu achava que o som era muito importante para nós seres humanos, então eu disse:
- Minhas orelhas, mãe.
Ela disse:
- Não. Muitas pessoas são surdas. Mas continue pensando sobre este assunto. Em outra oportunidade eu volto a lhe perguntar.

Algum tempo se passou até que minha mãe me perguntou outra vez. Desde que fiz minha primeira tentativa, eu imaginava ter encontrado a resposta correta. Assim, desta vez eu lhe disse:
- Mãe, a visão é muito importante para todos, então devem ser nossos olhos.
Ela me olhou e disse:
- Você está aprendendo rápido, mas a resposta ainda não está correta porque há muitas pessoas que são cegas.
Dei mancada outra vez.

Eu continuei minha busca por conhecimento ao longo do tempo e minha mãe me perguntou várias vezes e sempre sua resposta era:
- Não. Mas você está ficando mais esperto a cada ano, minha criança.

Então, no ano passado, meu avô morreu.
Todos estavam tristes.
Todos choravam.
Até mesmo meu pai chorou.
Eu me recordo bem porque tinha sido apenas a segunda vez que eu o via chorar.

Minha mãe olhou para mim quando fui dar o meu adeus final ao vovô. Ela me perguntou:
- Você já sabe qual à parte do corpo mais importante, meu filho?
Eu fiquei meio chocado por ela me fazer aquela pergunta naquele momento.
Eu sempre achei que era apenas um jogo entre ela e eu.

Observando que eu estava confuso ela me disse:
- Esta pergunta é muito importante. Mostra como você viveu realmente a sua vida. Para cada parte do corpo que você citou no passado, eu lhe disse que estava errado e eu lhe dei um exemplo que justificava. Mas hoje é o dia que você necessita aprender esta importante lição.

Ela me olhou de um jeito que somente uma mãe pode fazer. Eu vi lágrimas em seus olhos.
Ela disse:
- Meu querido, a parte do corpo mais importante é seu ombro. Eu perguntei:
- Porque eles sustentam minha cabeça?
Ela respondeu:
- Não, é porque pode apoiar a cabeça de um amigo ou de alguém amado quando eles choram.
Todos precisam de um ombro para chorar em algum momento de sua vida, meu querido.

Eu espero que você tenha bastante amor e amigos e que você tenha sempre um ombro para chorarem quando precisarem.
E, para completar, em algum lugar eu li. As pessoas se esquecerão do que você disse... as pessoas se esquecerão do que você fez... mas as pessoas nunca se esquecerão de como você as fez sentir.

Autor desconhecido

Conquiste a Paz

Photobucket

Deficiência

Deficiência
Deficiente é aquele que não consegue modificar a vida, aceitando as imposições de outras pessoas ou da sociedade em que vive, sem ter consciência de que é dono do seu destino.

Células Tronco

Células Tronco

NOBREZA

NOBREZA

LIBERDADE

LIBERDADE
Porque a liberdade tem que ser uma conquista individual para depois se tornar um enorme plural...

LUNNA

LUNNA
UNA BELLISSIMA LUNA PIENA

Limitação

Limitação
Não quero ter a terrível limitação de quem vive apenas do que é passível de fazer sentido. Eu não: Quero é uma verdade inventada. Clarice Lispecto

OSHO

OSHO
"Cada um é único e incomparável. Você é apenas você mesmo: ninguém nunca foi como você e ninguém nunca será como você. E você também não precisa ser nenhum outro." OSHO

Como uma borboleta

Como uma borboleta
Mas o que realmente era preciso era pensamento positivo. Que poderia ser livre, bem aceita, e voar leve, por onde desejasse. Que pensasse em ser borboleta o tempo todo e tudo poderia ir mudando, até que, mais rápido do que ela imaginasse, ela sairia do casulo, como uma borboleta.

AMOR

AMOR
O ódio revela muita coisa que permanece oculta ao amor. Lembra-te disso e não desprezes a censura dos inimigos.

COLO DE MÃE É UMA DELICIA!

COLO DE MÃE É UMA DELICIA!

PRECE A MÃE TERRA

PRECE A MÃE TERRA
foto

Secret

Secret

Relogio

relojes web gratis

clima

pais on line